Registe-se no nosso site e receba as últimas novidades!

Mães, cuidem de vocês!!

A Todas as Mulheres, porque todas, de uma forma ou de outra são mães.

Todas as mulheres contêm em si o arquétipo da mãe e do instinto maternal. Todas as mulheres, umas mais do que outras, possuem a capacidade inata de se doar, de cuidar, de nutrir e de amar com entrega. Por isso, hoje celebramos o arquétipo da mãe que vive dentro de cada uma de nós!!

Nem todas as Mulheres vivem a experiência da maternidade. As que decidiram voluntária ou involuntariamente serem mães, estão certamente aptas para o serem, no entanto, cada mulher vive a maternidade de forma diferente. Essa diferença é muitas vezes alvo de discórdia e conflito entre as mulheres e é precisamente aqui, que é importante transformar. É urgente que as mulheres se aceitem e respeitas as suas escolhas e as suas diferenças. Essa energia apaziguadora terá um forte impacto na sociedade. Uma sociedade sedenta por compaixão.

Todas as mulheres têm uma história que começa com a sua ancestralidade. Podemos sugerir formas mais saudáveis de viver a maternidade mas no fim, é de respeito e compreensão que se trata e esse é um grande legado que podemos passar aos nossos filhos.

Vivemos tempos de grande desgaste emocional e físico. A frustração e a angústia ganham cada vez mais terreno dentro de nós, pois o facto de não conseguirmos estar mais Presentes com os nossos filhos, origina cada vez mais, sentimentos constantes de culpa.

É urgente que todas as mães tirem um tempo para si para cuidarem de si, conectarem-se consigo mesmas, com as suas necessidades, com a sua essência. Um tempo para se ouvirem e se renovarem e permitirem emergir a sua vulnerabilidade que precisa tanto de se expressar.

Quando nos renovamos conseguimos estabelecer melhores relacionamentos com todos os que nos rodeiam, tornando-se mais fácil conseguirmos estar Presentes em cada momento. Presentes no sentido de os ouvirmos, os vermos e os validarmos. Estarmos de corpo e alma, disponíveis, pois isso é muitas vezes, tudo o que os nossos filhos precisam.

Quando nos escolhemos e escolhemos a nós próprias em detrimento de tudo o resto numa altura específica, nem que seja 5m por dia, estamos a passar para os nossos filhos, talvez um dos mais importantes valores.

Educamos pelo que somos, educamos pelo exemplo.

Ao fazermos essa escolha, certamente que estamos a semear dentro dos nossos filhos que todos somos importantes. Que é essencial para uma vida saudável, parar, cultivar o silêncio, aprender ouvir as nossas necessidades e respeitar os nossos limites. Como podemos educar para o respeito? É sermos o exemplo de respeito para nós mesmas!

Sem nos respeitarmos verdadeiramente, não estamos a ensinar o respeito desde a sua raiz.

Mães, cuidem de vocês!

Somos as mães de todos os seres humanos deste planeta! Muitas de nós, geradoras da futura Humanidade!

���o��


4 visualizações
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now